terça-feira, 27 de novembro de 2012

O tatu-bola


O símbolo da próxima Copa do Mundo no Brasil, o tatu-bola, foi sugerido e nasceu aqui no Ceará. Quem teve a ideia? A Associação Caatinga que tem uma Reserva Particular de Patrimônio Nacional (RPPN) situada em Crateús, cidade que já foi chamada de Vila do Príncipe, município do sertão brabo nordestino, à beira da nascente do rio Poty, terra de meus avós, trocado pelo Piauí com o Ceará pela faixa litorânea onde se situa hoje a amena e bela praia de Luis Correia, antiga praia de Amarração, próxima à cidade de Parnaíba - PI. 
A Associação Caatinga faz trabalhos importantíssimos pra conscientização ambiental. Sua RPPN foi criada pelos sucessores da pioneira família americana Johnson, proprietária de logomarca de cera de mesmo nome. A família criou também  uma escola com o seu nome no bairro Guararapes. Tudo isso é uma forma elegante, generosa e muito louvável dos Johnsons agradecer ao país e à região pelo muito que receberam na utilização da matéria prima da carnaúba, a árvore da vida, que é um dos símbolos do Ceará. Caatingas! Gosto tanto do único bioma genuinamente brasileiro que tenho um blog com o mesmo nome: 
http://caatingas.blogspot.com.br/

Fonte:

sábado, 24 de novembro de 2012

Proprietário x construtora: prazo para reclamar defeito e obter indenização é de 20 anos

Vixe! Quando se ia falar no prazo pra reclamar de defeitos em obras, a resposta vinha sem titubeios: 5 anos. Agora a coisa tá pacificada pelo STJ: 20 anos. Muita construtora e a própria Caixa Econômica Federal - esta que por também entendimento recente do STJ tem responsabilidade solidária com o construtor - vão ter de responder a comprador desaforado. 
George.

Fonte
http://www.stj.gov.br/portal_stj/publicacao/engine.wsp?tmp.area=398&tmp.texto=82960

Sobre corrupção

Há quem diga, e são muitos, que corrupção é coisa dos petistas. Não acredito. É inocência demais ou isenção de menos. Corrupção tem muita até na China onde, dependendo do caso, o indivíduo pode ser penalizado com a morte. Corrupção no Brasil sempre houve e desconfio que os níveis eram muito maiores no passado. É só lembrar que no exterior há mais de R$ 1 tri (eu disse R$ 1 tri mesmo, ou seja, R$ 1.000 bi) de recursos enviados de forma ilegal. O correspondente à entrega privatizada de mais ou menos 500 Vales do Rio Doce, que o foi por R$ 2 bi. E isso vem de longa data, não é só de agora, não. O que acontece hoje é que a sociedade evoluiu e o corrupto coetâneo está sujeito a um celular gravando toda uma conversa; a uma caneta no bolso do indivíduo filmando as marmotas do outro; às câmeras escondidas que ora estão nas vias públicas, ora nos recintos privados; a uma internet pra disseminar, num vapt-vupt, desvios de conduta; a uma polícia federal competente; a um ministério público atuante, diferente do antigo onde tínhamos a figura deplorável do engavetador de processos; a relatórios obrigatórios postados na internet por fôrça coetânea da transparência; a novos juízes concursados sérios e honestos (a grande maioria); a pressão de uma sociedade muito mais esclarecida. E assim os casos de corrupção nos órgãos de governo aparecem e vão aparecer mais. O que é importante é penalizá-los, sempre que surjam. Doa em quem doer. É assim que a sociedade brasileira evolui. E ela está evoluindo, sim, Senhor. 
George.

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=560838663931200&set=a.124486140899790.24501.115987058416365&type=1

Uma língua só, é pouca

Às vezes penso em parar de falar de vez por aqui. A gente fala pra quê? Tem alguma utilidade nisso? Não sei. Mas hoje dei uma lida no livro "Ispinho e fulô" do Patativa do Assaré e encontrei uma poesia "A derrota de Zé Côco" onde ele veio com essa: 

Seu moço, eu sou nordestino
Falo que só papagaio,
Eu no tempo de menino
Bibi água de chucaio,
Muntas vez eu considero
Que mode dizê o que eu quero
Uma língua só é pôca,
Às vez eu tenho pensado
Que Deus devia ter dado
Duas língua em minha boca
 
Fonte:
Ispinho e Fulô - Patativa do Assaré

Ação da OAB pra sustar o pagamento de pensão vitalícia a ex-governadores


Ação da OAB pra sustar o pagamento de pensão vitalícia a 60 ex-chefes de Executivo estadual foi liberada pra julgamento por Joaquim Barbosa antes que tomasse posse na presidência do Supremo Tribunal Federal. A ação é  referente à Rondônia e foi ajuizada em março de 2011.  É um caso de repercussão geral. Principalmente porque repercute nos bolsos  do povo. Parabéns Ministro! 

Quero ver agora muita gente boa que goza das bufunfas da viúva com salário vitalício de governador dá vivas ao respeitável, e inovador, ministro Joaquim Barbosa. Quero ver as manobras de algum juiz, pra defender as chicanas jurídicas de adv
ogado dessa excrescência que é a pensão pra governadores que vezes há terem assumido dois meses de mandato... Pois bem, quero ver se alguma distinta excelência republicana vai estirar os sábios beiços e proferir um "Veja bem! Não se pode aplicar ao caso pois o direito lhes assiste..." 

George

Fonte:

http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,barbosa-poe-em-pauta-salario-vitalicio-de-ex-governador,964087,0.htm



sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Há vida em Marte?

Que descoberta fantástica nos trará a Curiosity? E eu agora fiquei mais curioso com a reportagem do Le Figaro. É que o principal responsável pela missão científica, John Grotzinger, declarou a um jornalista que a análise do solo marciano fo
rneceu dados que vão entrar para os livros de História. É tempo cedo de fazer conjecturas, dizem outros cientistas da missão. Inda mais que a análise do solo é feita depois de vaporizá-lo em 74 fornos. Sai daí voando umas moléculas pros cientistas detectá-las e, a partir delas, inferir as condições do solo. Um quebra-cabeças do inferno... marciano.
Mas pra quem gosta de fofoca nas ciências, há suspeitas de que os cientistas tenham descoberto moléculas orgânicas nas amostras de solo. Donde viriam? Teriam sido criadas no próprio planeta Marte? Ou teriam sido trazidas ao solo marciano por meteoritos?
George

Fontes:

http://www.elmundo.es/blogs/elmundo/cosmos/2012/11/22/rumores-desde-marte.html


Boa, Seu Joaquim!

É agora que quero ver a Dona Mídia elogiar o homem-morcego. Não vale se omitir e vir agora com diretas e indiretas pra solapar o respeitável Juiz. É agora que quero ver os Juízes que inovaram no uso da teoria do domínio final do fato, do alemão Claus Roxin, pra encalacrar os petistas. Não vale estirar o beiço e depois dizer: veja bem, nesse caso não é bem assim... Não vale fazer igual ao que os distintos pares do senado, em sua maioria, fizeram ontem com o Cachoeira, liberando-o livre, leve e solto. Depois de se gastar uma ruma de dinheiro com a CPI e proteção policial pro bandido. Julgamentos não deveriam se submeter a cores partidárias e interesses outros. Escreveu não leu, o pau comeu. Seja do partido azul, verde, amarelo, encarnado... 
Coerência, respeitosa corte. Os Senhores são a ultima das instâncias do judiciário brasileiro. 
Vamos honrar Dona Thêmis.

George Alberto de Aguiar Coelho

Fonte:
http://www1.folha.uol.com.br/poder/1188624-barbosa-da-prazo-para-mensalao-do-psdb.shtml

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Paguem os impostos, Senadores!

Olha aí. Vamos ficar de olho nas Suas Excelências, vetustas figuras do Senado Federal, as que não querem devolver o que é de imposto de renda. Gente boa, vocês que trabalham tão pouco pro muito que ganham, ainda querem entrar nessa de sonegação dos vencimentos?
George Alberto de Aguiar Coelho

Fonte:

A última joia da coroa

PelamordeDeus, eu que sou ateu. Tem algum sentido, com a seca tirana que o Nordeste e sua corajosa população sertaneja enfrentam... Tem algum sentido o Brasil contribuir de mão beijada pro FMI socorrer a bancos internacionais, sob o argumento falso de que está ajudando a vetusta Europa, com uma bagatela de US$ 10 bi?
Dona Dilma, nossa Presidenta, acabe com isso, mulher. Quem precisa ser socorrido é o Nordeste, isso sim. Nem que se cumpra enfim a promessa de D. Pedro II de vender até a última joia da coroa pra que no Nordeste não haja mais fome.

George Alberto de Aguiar Coelho

Fonte:
http://jconline.ne10.uol.com.br/canal/cidades/noticia/2012/11/20/empurrados-para-a-fome-64108.php

Fake é Fake!

O pessoal, às vezes, exagera. Não duvido da fortuna do filho do Lula, não. Mas dizer que o homem é dono do Prédio central da Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz) em São Paulo, chamando-a de Fazenda Fortaleza é exagero demais, digamos assim. Na notícia que  me foi repassada, mudaram até o nome da bela obra de 1907, projetada pelo arquiteto inglês Alfrend Brandford, segundo a reportagem da Folha abaixo. 
Esta reportagem, diferente da primeira de que falei, é verdadeira. A outra, que me chegou aos olhos no facebook, de tão exagerada, se a gente fechar às vistas da paixão, se vê logo que é um factóide falso: um fake. Divulgo primeiro a de vera. 

Fonte:

Agora, o fake:
A notícia que me mandaram foi essa. Tá em espanhol. Mas se a gente olhar no Google vê que a fonte é genuinamente nacional. Nela, substituíram também a foto de um desses magnatas plutocratas do mundo na revista Forbes pela do Lula. O homem deve tá gostando de posar "de grátis" na Forbes, pelo menos na falsa Forbes. 

Fake: 

George Alberto de Aguiar Coelho

Abelhas africanas acabam com as jandaíras?

Abelhas do Sabugi,
O blog do Seu Isaac,
Deu uma dica bem sábia
Que eu exponho aqui

As abelhas jandaíras
Correm risco de extinção
Culpam as africanas
Por essa devastação

As africanas, contudo
Não tem culpa no cartório
Convivem com as jandaíras
Sem causar qualquer imbróglio

O culpado na estória
A gente vê é no mato
“Destroço na natureza”
Taí a culpa do fato.

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Famintos emprestando $ 10 bi pra banca

E o Brasil pensa em entregar $ 10 bi pra falida Europa. Pra Europa não, que o dinheiro vai mesmo é pro Caixa de banqueiros que, irresponsavelmente, ao concederem empréstimos a torto e a direito, criaram uma crise sem precedentes na história. Agora, empurram o abacaxi deles ao povo europeu.
$ 10 bi! Dinheiro que, "by pass", se for, irá pras mãos ávidas da banca internacional que manda no mundo e tem o poder, por hoje e desde sempre, de criar dinheiro a partir dos depósitos bancários do meu, do seu, do nosso e da grana de todo mundo que os sustentamos nababescamente assim.

Mote:

Invadir, não pode. Bombardear, pode.


Nove membros de uma família palestina, cujo chefe era um miltante do Hamas, e mais dois vizinhos foram mortos por um míssil disparado por um caça israelense F16. Dentre as vítimas, as crianças: Sara, 7 anos , Jamal, 6 anos, Yusef, 4 anos e Ibrahim, 2 anos. Não entendo como um presidente que recebeu o prêmio Nobel da Paz, que é o presidente americano Obama, possa aprovar os bombardeios israelenses contra a faixa de Gaza, uma pequena região intensamente povoada e imprensada contra o Mar Mediterrâneo por Israel. Diz Obama: invadir não aprovo, mas bombardear em resposta aos foguetes que incursionam contra o território israelense e que são interceptados 83% deles pelo sofisticado escudo protetor de Israel, isso pode. Estranho é que essa ofensiva se dê dois meses antes das eleições que vai escolher ou prorrogar o mandato dos dirigentes israelenses. Da mesma forma que foi a última excursão de Israel sobre a Faixa de Gaza.
Os homens não se entendem. O mundo perdeu-se.
George Alberto de Aguiar Coelho

Fonte:
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10151242457394749&set=a.10150091776499749.280771.143666524748&type=1

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Avexado de dá dó


Seu piloto vire ali
Que eu preciso me encontrar
Com a Dilma Presidenta
Que já tá naquele Hangar.

Governador, sinto muito
Não dá pra agora cruzar
É uma pista de Boeing
Que não pára de chegar

Ora, homem, deixe disso
Não posso lhe convencer?
A presidenta me espera
Pára então pra mim descer.

Te avexa ordenança
Que a pista é bem estreita
Vem descendo lá um Boeing
Pesado que nem carreta

Ôpa, vixe!  Quase morro!
Pra donde fui me meter
O Boeing riscou raspando
Inda deu pra arremeter

Mas tem outro ali voando
Fazendo o pelo sinal
Pelo visto suspendeu
O pouso bem no final

Mas o certo é que o certo
Agora eu consegui
Presidenta como vai?
Quase não lhe pego aqui.

George Alberto de Aguiar Coelho

A Europa irada versus salvem a banca

A Europa em greve: Espanha, Portugal, Bélgica, Itália e Grécia.  Patrimônio da humanidade grego sofrendo riscos de destruição. A Itália com os efeitos desastrosos da era do sultão, capo do sistema de comunicações italiano, Berlusconi. Onda de suicídios na desocupação de imóveis por inadimplentes na Espanha. É que o sistema internacional exige o salvamento dos bancos, nem que a população tussa sangue. E o Brasil,das péssimas escolas e doentes nas macas dos corredores de hospitais, ainda pretende entregar pra eles, bancos, US$ 10 bi. O pretexto é a ajuda à Europa. Mas o que de fato é: ajuda a banca internacional. Que coisa mais sem noção! Enquanto isso, os bancos não pagam por sua irresponsabilidade na concessão de crédito, mesmo tendo, e sempre tiveram, desde que o mundo foi besta, e ele sempre o foi. Pois bem, os bancos sempre tiveram uma das maiores mamatas que instituição nenhuma do mundo tem: criam artificialmente dinheiro com o efeito multiplicador da grana que tem em depósito. Já pensou a gente ter a capacidade de criar dinheiro? Roda a viola, Zé, que eu pago. Isso precisa acabar é um escrotismo do mundo bancário. Banco só poderia emprestar o que tem no bolso, assim como todo agiota o faz às escondidas. O compulsório dos bancos centrais, dinheiro recolhido pelo Banco Central, devia de ser muito próximo a 100% dos depósitos. Mas quem manda no mundo, senão a banca. Vão atirar no próprio pé?

George Alberto de Aguiar Coelho
Fonte:
http://www.spiegel.de/wirtschaft/soziales/protest-gegen-sparkurs-streiks-laehmen-spanien-und-portugal-a-867117.html

terça-feira, 13 de novembro de 2012

É Piauí ou é Ceará?


Cumpade me diga aí,
Se isso aqui é Piauí?
Cumpade me diga já,
Se acolá é Ceará?
 
Cumpade me adesculpe
Deu tanto ignorá
Não sei se aqui é Piaui
Se acolá é Ceará
 
O povo que vive aqui
Empurra as terra pra lá
E os de lá, achando ruim,
Devolui terra pra cá
 
Mode só sei lhe dizer
Que tudo vai se acabar
Piauí donde eu nasci
Ceará que fui morar
 
Num se avexe, Cumpade,
O mundo não vai findar
Se Piauí, será pior
Se Ceará, pior será.
 
George Alberto de Aguiar Coelho

Mote:

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Deus seja louvado

"Deus seja louvado" não pode ser escrito nas cédulas, defende o Ministério Publico Federal (MPF). Assim diz o jornal sobre a argumentação do MPF:


"A manutenção da expressão 'Deus seja louvado' [...] configura uma predileção pelas religiões adoradoras de Deus como divindade suprema, fato que, sem dúvida, impede a coexistência em condições igualitárias de todas as religiões cultuadas em solo brasileiro", afirma trecho da ação, assinada pelo procurador Jefferson Aparecido Dias.
"Imaginemos a cédula de real com as seguintes expressões: 'Alá seja louvado', 'Buda seja louvado', 'Salve Oxossi', 'Salve Lord Ganesha', 'Deus não existe'. Com certeza haveria agitação na sociedade brasileira em razão do constrangimento sofrido pelos cidadãos crentes em Deus".

Mas aí alguém poderia alegar que a nossa Constituição Federal não criou um estado tão laico assim, pois colocou em seu preâmbulo, "...sob à proteção de Deus".  Literalmente diz a Carta Magna: 

"Nós, representantes do povo brasileiro, reunidos em Assembléia Nacional Constituinte para instituir um Estado Democrático, destinado a assegurar o exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, o bem-estar, o desenvolvimento, a igualdade e a justiça como valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social e comprometida, na ordem interna e internacional, com a solução pacífica das controvérsias, promulgamos, sob a proteção de Deus, a seguinte CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL"

Eu, por mim, digo que a frase, "Deus seja louvado", escrita nas cédulas, é uma imitação, feita por influência do Sr. José Saney - do que tem no dolar americano : "In god we trust", que uns  recitam de forma diferente: "In gold we trust".

George Alberto de Aguiar Coelho


Fonte:
http://www1.folha.uol.com.br/poder/1184377-procuradoria-pede-retirada-do-termo-deus-seja-louvado-das-cedulas-de-real.shtml

A queda da Apple

A queda da maçã? Pode ser ruim, pode ser boa. Diz a bíblia que Adão foi expulso do paraíso por não ter resistido a uma maçã. Como ainda persistem os da seita da Apple consumidores de megastores de vidro que não resistem a um novo apelo de iPad, de iPhone... Melhor pro Adão, a queda. Melhor pros applemaníacos, a queda, que o paraíso era coisa muito chata pra se viver eternamente. Tal e qual é viver besta, mesmo com um produto do melhor, mas caixa-preta. Ainda mais se tem um andróide aberto ao mundo.

Sem o deus Steve Jobs, a Apple não é a Apple. Não há santo que substitua Jobs. Mas, diz a lenda, que foi na queda de uma maçã que Isaac Newton intuiu a teoria da gravitação dos corpos. E o  mundo se reconstrói a partir do que fenece. E a árvore recebe a maçã caída como riquíssimo adubo. Novos Jobs vão surgir com ideias revolucionárias, que o mundo, redondo feito maçã, não pára de rodar e nos deixar tontos. 
George Alberto de Aguiar Coelho

Uma nova técnica pra tratar o câncer - reportagem da BBC de Londres

Uma nova técnica pra tratar o câncer consta de relato de hoje da BBC londrina. A reportagem é de James Gallagher. Conforme a matéria, e pelo que entendi dela, eu que sou completamente leigo no assunto, o procedimento inicia-se com o isolamento do órgão doente (no caso, fígado), inflando balões nos vasos do mesmo órgão. Com o órgão doente isolado, injeta-se as substâncias quimioterápicas que, após 60 minutos, são retiradas do corpo por filtragem. A seguir, o órgão doente é liberado. Explica  a reportagem que, com o isolamento do órgão doente, as substâncias quimioterápicas além do efeito importante de ali se concentrarem potencializando a cura,  sem se disseminarem no restante do corpo, deixam de provocar danos colaterais como queda de cabelo, debilidade etc. Dr Brian Stedman, médico do Hospital geral de Southampton, Inglaterra, sugere que a técnica pode ser usada em órgãos doentes como o pâncreas, pulmões e figado. A técnica é um alento pra quem espera tratamento eficaz da terrível doença. 

Fonte:

sábado, 10 de novembro de 2012

Meu primeiro poste

Lula! foi ele que tomou de mim,
Se mandou com a luzinha que eu levei,
Pra alumiar, poste sem luz do Bom Jardim
E alumiou pinguim sem luz, fora da lei. 
Baaaahhh!...

Minha loura da Fortaleza Bela
Queria lhe ajudar, até tentei,
Perder presente, né bom não, eu bem que sei
Que eu também plantei um poste só pra mim.

Veja o povo lá na praça, tou com sorte:
Lulalááá... alumia uma estrela!
Lulalááá... pra findar lambança!
Lulalááá... meu primeiro poste
Lulalááá...

Que horror!
O seu poste não deu certo mesmo assim,
Diferente do meu poste que foi ela
Presidenta se elegeu, hoje enfim
Cid já tá nas “aliança dela”.
Hohhh! Hohhh! Hohhh! Hohhh!

George AA Coelho

Mote:
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=298543116927626&set=a.151752514940021.32387.100003158199553&type=1&theater





sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Não dá na mídia


Os nossos quase vizinhos da Guatemala sofreram um forte terremoto. Resultado até aqui: 52 mortos, 22 desaparecidos, 762 em albergues, 2.966 evacuados, 5.251 sofreram danos diversos, 1 milhão e 200 mil pessoas afetadas e 200 feridos atendidos en hospitais. No Haiti, o furacão Sandy que bateu New York talvez tenha sido mais devastador pros habitantes insulares caribenhos. Bem mais de perto: quem fala da pior das secas dos últimos 50 anos que está ocorrendo no Nordeste? A internet engoliu a imprensa e ela está preocupada que o povo tá lendo o que não deve ou o que não foi prescrito. Viva a internet! 
George Alberto de Aguiar Coelho

Fonte:
Jornal Nuestro Diario da Guatemala

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Novos tempos.

Novos tempos. Para o bem de quase todos, a América está cada vez mais latina. É a nova demografia americana. É a nova democracia americana.
George AA Coelho

Mote:
https://www.facebook.com/media/set/?set=a.463756290329159.103195.112979245406867&type=1

Primeira senadora homossexual assumida dos Estados Unidos.

E ainda vem o Serra de mãos dadas com o pastor Mala não sei de quê com o discurso à la Torquemada de kit gay distribuído pelo oponente. O resultado não podia ser outro: aposentadoria do insistente tucano, pro desespero de Higienópolis. 
George Coelho.

Mote:

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Tecla-se num e o voto vai pro outro.

Teclava-se no Obama e o voto ia pro Romney. Beleza pro Republicano. Um eleitor filmou tudo. Bandidagem? Não. É que a urna estava descalibrada. Tanto é assim que se se escolhesse o candidato abaixo do Obama, que é do partido verde, o voto iria pro Obama.  Assim, incalcar em baixo nessa urna, dava voto no candidato que estivesse imediatamente  acima da lista vertical. Constatado o defeito, a máquina foi substituída.
Segundo o prefeito de NewYork, Michael Bloomberg,  republicano que declarou voto no presidente negro democrata, o sisteme de votação americano é coisa de terceiro-mundo. Pudera! Uma infinidade de processos diferentes, alguns bizarros, que depois conversam entre si, dá a confusão que deu na primeira eleição de Bush-filho contra Al-Gore. Precisou a suprema corte americana bater o martelo para o candidato segundo nos votos, Bush filho ser considerado vencedor.
Ainda bem que não somos mais terceiro-mundistas. O nosso sistema eleitoral, até agora, tem-se revelado muito eficiente. Trabalhando como mesário nas últimas eleições do municipio de Fortaleza, vi um sujeito, candidato a vereador, reclamar que  eleitores dele estavam lhe dizendo que colocavam seu número e surgia a foto de outro. Era “H” do cara. O elemento queria era influir no grito sobre pessoas que estavam na fila de eleitores pedindo-lhes pra colocar seu nome como teste. Vai que o eleitor erra e confirma o voto do candidato reclamante!
Olhando o vídeo abaixo do eleitor que descobriu o defeito na urna, percebe-se que o nosso sistema de votação exige mais do eleitor, tendo este de digitar o número de seu candidato. Assim, o problema da calibragem que se deu na urna americana não existe por aqui. Ponto pra nós.
George AA Coelho

Fonte:

Que coisa mais sem noção


Que coisa mais sem noção
Aconteceu no Senado
Não deixaram o Gonzagão
Ser cantado em plenário.

O culpado é o regimento
Saltou logo o senador
Pra que é que serve o Senado?
Se discrimina a cantor.

Pra Gonzagão, regimento
Deve logo ser rasgado
Vai daqui o meu lamento:
Que vergonhoso é o Senado!

George AA Coelho

Fonte:

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

A cidade mais velha da Europa

A cidade mais velha da Europa se encontra no Este da Bulgária, num lugar chamado Provadia-Solnitsata. A vila pré-histórica foi descoberta em 2005  por uma expedição chefiada por Vassil Nikolov. O lugar tem características de ter sido um  um centro comercial, militar, governamental e de produção de sal. Parecia um desses morros onde não nascem árvores e que não se dá nada por ele. De repente, se escavou o distinto e surgiu uma cidade embaixo. Parece que a velha vila vivia às custas, ou melhor, da renda da produção de sal. Pra quem gosta de dinheiro é bom explicar que, se fosse no passado, gostariam mesmo era de sal, um produto muito mais raro e ambicionado, não só pro tempero das panelas, mas como moeda de troca. Banqueiro naquele tempo devia sofrer com pressão alta.

George Alberto de Aguiar Coelho

Fonte:
http://www.lefigaro.fr/sciences/2012/11/05/01008-20121105ARTFIG00419-la-plus-vieille-ville-d-europe-serait-bulgare.php

Festas da Fortaleza Bela

Não votei em nenhum dos dois afilhados políticos, candidatos a prefeito de Fortaleza. Mas por me admirar do que as paixões e interesses fazem com os pensamentos soltos e as palavras escritas, não posso deixar de comentar a notícia saudosa do jornal. As festas da Loura eram mesmas do papouco, não se pode negar. Talvez mais animadas do que os bailes do império brasileiro prestes ao soçobro provocado pela nova ordem republicana. Dificilmente serão repetidas tais festas, pelo menos no mesmo ou menor preço. Explico melhor indicando por obviedade os padrinhos dos dois candidatos mencionados.

Quando a dama vermelha da Fortaleza Bela trouxe o Caetano, seu violão e o insólito banquinho, e gastou no ato setecentas e poucas mil pilas, a imprensa e parte da população torcedora do partido azul, com muita razão, caíram de pau: que era um absurdo tanta gastança do erário e não sei o quê mais. Porém, chega depois o governador do Estado e entrega, só de cachê, três milhões de dinheiro ao tenor Plácido Domingues, em baile dirigido a seletos convidados particulares, entre trajes de gala e sorrisos esvoaçantes de gatas borralheiras, aí pouca gente fala.

Uma análise sociológica rala diria que, no sonho de caboclos que somos, pois descendemos de muitas tribos indígenas como Cariris, Crateús, Paupinas, Tabajaras, Parangabas, Tremembés, Caucaias, Tocarijús etc., ainda restou um desejo subjacente de ter inapagável em nós uma nesga de sangue dominante europeu. 

George Alberto de Aguiar Coelho

Mote:
http://www.opovo.com.br/app/opovo/politica/2012/11/03/noticiasjornalpolitica,2947839/o-futuro-das-grandes-festas.shtml